Curso de Educomunicação

Curso de Educomunicação

Departamento de Comunicações e Artes

http://www3.eca.usp.br/cca

http://www.cca.eca.usp.br

http://www.cca.eca.usp.br/sites/cca.eca.usp.br/files/encarte_educomunicacao_2011.pdf

 

EduComuNiCação

licenciatura onde estudar?

Escola de Comunicações e Artes (ECA-USP)

descrição

Esse novo projeto de formação universitária parte da contribuição das Ciências hu- manas, especialmente dos campos da comunicação e da educação, bem como das práticas sociais relacionadas aos âmbitos da produção midiática, dos estudos da recepção, do uso social e pedagógico das tecnologias nos processos de educação formal e não formal, no Brasil e na América Latina. Nesse contexto, o novo curso destina-se a preparar, simultaneamente, um professor de comunicação para a edu- cação básica, especialmente o ensino médio, e um consultor tanto para o próprio sistema educacional, quanto para as organizações, veículos de comunicação e em- presas envolvidas com o tema. Na qualidade de professor, o educomunicador irá suprir a demanda criada pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional quan- do, já nos meados da década de 90, introduziu a comunicação, suas tecnologias e suas linguagens como conteúdos e como suportes metodológicos no ensino médio brasileiro. Na qualidade de consultor, o educomunicador poderá prestar serviços no espaço dos meios impressos, audiovisuais e digitais, assim como em projetos mantidos por organizações e empresas, voltados para a gestão da comunicação em ambientes educativos ou em áreas de produção destinadas à educação.

infraestrutura

A licenciatura em Educomunicação tem a coordenação do Departamento de Co- municações e Artes da ECA. é oferecida no período noturno, com duração de oito semestres. O programa prevê disciplinas teóricas, envolvendo o campo da comu- nicação e as teorias da educação, trabalhadas sempre de forma interdisciplinar, assim como disciplinas voltadas para a prática educomunicativa, possibilitando ao aluno situar-se na sociedade da informação e tomar conhecimento das novas exigências que decorrem do complexo mundo em que as novas gerações passam a viver, nesse início do século XXI. A complementação pedagógica é feita mediante frequência nas disciplinas da Faculdade de Educação, bem como na realização de estágios nas diversas áreas de atuação do profissional da área: a docência, a consultoria e a pesquisa.

inserção profissional

O educomunicador será preparado para aproximar seu perfil ao de um gestor de comunicação no espaço educativo. Um profissional que conhece suficientemente, de um lado, as teorias e práticas da educação, e, de outro, os modelos e procedi- mentos que envolvem o mundo da produção midiática e do uso das tecnologias, de forma a exercer atividades de caráter multidisciplinar, tanto na docência quan- to na coordenação de trabalhos de campo, na interface comunicação/educação. Nos dois casos, espera-se deste profissional a habilidade para administrar confli- tos e a criatividade para encontrar soluções que melhorem os processos educa- tivos, sejam os formais (escolares) quanto os não formais (desenvolvidos pelas organizações sociais) e, finalmente, os informais (implementados pelos meios de comunicação voltados para a educação e cultura).