Ciclo de palestras sobre o Grupo Rex no MAC


As palestras serão ministrada pelo professor Ferdinando Martins, do Departamento de Comunicações e Artes (CCA). O ciclo propõe uma análise do Grupo Rex, referência da vanguarda paulista na década de 1960, centrado na produção de Geraldo de Barros, Nelson Leirner e Wesley Duke Lee, abrangendo obras, happenings e outras manifestações da Rex Gallery and Sons, bem como de seu jornal, o Rex Time. Além disso, debate os pontos de contato do Grupo Rex com o Fluxus, focando em especial dois episódios: o baile de inauguração da galeria e sua última atividade coletiva, a exposição Não Exposição.

Em um âmbito mais abrangente, discute a relação entre arte e sociedade e as questões estéticas presentes no trabalho do Grupo Rex. A conjuntura social e política do período inicial da ditadura militar brasileira (1964-1968) é de importante relevância tanto para entender o contexto da década de 1960 quanto para a interpretação de algumas das obras do Grupo Rex.
 
Programa
 
10 de junho, das 14 às 17 horas
Arte e sociedade na cidade de São Paulo na década de 1960
 
17 de junho, das 14 às 17 horas
A emergência do Grupo Rex: artes plásticas, happenings e festas
 
24 de junho, das 14 às 17 horas
O Rex Time e a exposição Não Exposição
 
1º de julho, das 14 às 17 horas
Legado e desdobramentos
 
Inscrições até 10 de junho na Secretaria Acadêmica do MAC-USP, das 10 às 17h
Endereço: Rua da Reitoria, 109A – Cidade Universitária
Taxa: R$ 50,00 (isenção para professores da rede pública e para os primeiros 10 alunos da USP inscritos)
 
Informações: 3091-3559 – ceema@usp.br