Novo vídeo da OCAM celebra o encontro de diferentes povos e culturas

Feito em parceria com a Orquestra Mundana Refugi, Raízes Profundas foi lançado no aniversário da cidade de São Paulo

 

No dia 25 de janeiro, 467º aniversário da cidade de São Paulo, a Orquestra de Câmara da ECA (Ocam) lançou o videoclipe Raízes Profundas. Feito em parceria com a Orquestra Mundana Refugi, formada por imigrantes e refugiados de várias partes do mundo, o trabalho celebra a diversidade étnica e cultural que caracteriza a capital paulista. 

“Convivemos com pessoas de credos, de costumes e de filosofias diversas nessa cidade, e o Raízes Profundas nada mais é do que a celebração desse encontro”, conta Gil Jardim, maestro da Ocam e professor do Departamento de Música (CMU), em entrevista concedida ao programa De Papo pro Ar, da Rádio USP. 

Fruto de duas colaborações realizadas com a Orquestra Mundana Refugi nos últimos anos, o vídeo é o quarto lançado pela Ocam desde o início da pandemia. Assim como os clipes Temos por Quem Lutar, Espero que Nomes Consigam Tocar e Pai Grande, o atual trabalho é marcado pelo encontro entre a música erudita e a popular. Além disso, Raízes Profundas também procura dialogar com questões que fazem parte do debate público na conjuntura atual. Segundo Gil, a Ocam tem buscado ser uma “ferramenta de sensibilização das pessoas neste momento de pandemia.”

Na entrevista à Rádio USP, o docente do CMU aborda ainda o processo de composição da obra e os desafios para unir diferentes gêneros musicais eruditos e populares. Para ouvir na íntegra, clique aqui

Confira a seguir o videoclipe Raízes Profundas. Este e todos os vídeos lançados pela Ocam também podem ser vistos no canal da Orquestra no Youtube