"O Museu Imaginário": homenagem a André Malraux

08/11/2016 09:00

Como parte das comemorações dos 50 anos da ECA, o  Centro Mário Schenberg organiza, no dia 8 de novembro, o evento André Malraux: o Museu Imaginário, em homenagem aos 40 anos do falecimento do pesquisador e artista André Malraux.

Georges André Malraux (1901-1976) foi escritor de livros renomados, tais como Os Conquistadores (Les Conquerants, 1928) e A Condição Humana (La Condition Humaine, 1933), pelo qual recebeu o Prêmio Goncourt. A grande referência para pesquisadores e artistas é a sua obra estética As Vozes do Silêncio (Les Voix du Silence, 1951), em que analisa o universo artístico de várias partes do mundo.

Malraux escreve O Museu Imaginário, em 1947, que constitui a primeira parte de As Vozes do Silêncio. Em 1963, O Museu Imaginário é reformulado, com acréscimos que constam das edições mais recentes. As questões levantadas nesse ensaio estético constituem denso debate, que se prolonga até hoje, na concepção de Museu. Há, entretanto, um foco, sintetizado na pergunta: quais as mudanças que ocorrem no deslocamento de uma obra de arte do seu sítio geográfico original para o Museu? O escritor concentra as respostas, assinalando que as obras, tanto quanto os museus, continuam em transformação, assim como o olhar do observador através da História. Para Malraux, o Museu é um conjunto de metamorfoses.

Nessa homenagem, aos 40 anos do falecimento de André Malraux, estão colocadas questões estéticas para novas reflexões e diálogos Oriente – Ocidente, inseridos nos pensamentos de Malraux e do físico e crítico de arte Mario Schenberg.

Confira a programação aqui.

 

Serviço: "O Museu Imaginário": homenagem a André Malraux

Data: 8/11
Horário: 9h
Local: Auditório Lupe Cotrim, 1º andar - Prédio Central