A função de Revisor é analisado em livro

O livro Leitura e escrita em movimento, da Editora Peirópolis e do CEFET-MG, conta com um capítulo do aluno de mestrado José Muniz Jr..

 

Ele se formou em editoração em 2006 e agora faz mestrado, também pela ECA. O último capítulo do livro, chamado Revisor, um maldito: questões para o trabalho e para a pesquisa, faz parte de sua pesquisa de mestrado "O trabalho com o texto na produção de livros: os conflitos da atividade na perspectiva ergodialógica", orientado pela professora Roseli Fígaro, no Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação.
 
O texto aborda o trabalho dos revisores a partir de uma ótica um pouco diferente do que se tem feito. Esse profissional sofre muito preconceito: muitos o consideram um simples aplicador de regras; outros defendem que ele é um escritor frustrado. Porém, em seu texto, o autor busca desconstruir esses lugares-comuns, levando em conta os conflitos que esse trabalhador enfrenta em seu cotidiano.

 
Além de José Muniz Jr, o professor Gilbertto Prado, do Departamento de Artes Visuais, também escreve o capítulo Arte em rede: algumas indagações sobre criação, experimentação e partilha para o livro.

O livro Leitura e escrita em movimento  é resultado de uma seleção feita por professores do CEFET-MG a partir de um congresso sobre hipertexto, em Belo Horizonte.