ECA lança livro para celebrar intercâmbio de uma década com universidade japonesa

Como parte das comemorações de 50 anos da Escola de Comunicações e Artes acontece o lançamento o livro Ponte Cultural: Caminho para intensificar intercâmbio com universidades japonesas, que é um  exemplo dos esforços da Escola na busca por reconhecimento mundo afora e pela internacionalização das pesquisas desenvolvidas da ECA.

Na publicação, organizada pelo professor Atílio Avancini, do Departamento de Jornalismo e Editoração (CJE), são reunidos oito ensaios de professores da ECA, que foram ministrar aulas de Português e Cultura Brasileira na Kyoto University of Foreign Studies (KUFS), desde a assinatura do convênio entre as duas instituições em 2006.

                  
                  Jardim do Palácio, Kyoto

Os professores da ECA a embarcarem nessa jornada, com seus respectivos anos letivos, foram o próprio Atílio Avancini (2006-2007); Dilma de Melo Silva (2008-2009); Joel La Laina Sene (2009-2010); Célia Maria de Moraes Dias (2010-2011); Marco Garaude Giannotti (2011-2012); José Luiz Proença (2012-2013); Felisberto Sabino da Costa (2013-2014) e Ivan Siqueira (2014-2015).

                  
                  Famíla Myajima, Hiroshima

Eles falam sobre os desafios que tiveram que enfrentar, como as barreiras culturais dentro e fora de sala de aula, o que os levou a aceitar cruzar o mundo e a embarcar nessa jornada, as atividades que desenvolveram em seus respectivos períodos de intercâmbio, as impressões que tiveram da vida no Japão e tudo o que os encantou durante a estadia no país. O livro é repleto de imagens belíssimas de lugares que os professores visitaram, trechos de poemas e citações, haikai, assim como relatos sobre encontros da música, da arte e da cultura brasileira com a cultura japonesa.

                 
                 Passagem da filósofa, Kyoto

Segundo o professor Atílio Avancini, que foi o primeiro professor a participar do convênio, adentrar o espaço das páginas deste livro é como seguir os passos de cada docente pelos caminhos sinuosos do Japão no jogo simultâneo conflito-encantamento entre Oriente e Ocidente. “O que torna esta obra única, portanto, é a dimensão de ponte cultural pelo relato de experiências didático-pedagógicas de cada autor”, explica.

O livro já está disponível para consulta na biblioteca da ECA.

 

por Mariana Rosa
fotos Joel La Laina Sene