Série "As Five" conta com o talento de ex-ecanos na frente e atrás das câmeras

Primeira temporada da série está disponível na Globoplay, plataforma de streaming da Rede Globo

 

Vencedora de um Emmy Internacional e grande sucesso de público e crítica, a temporada de 2017-2018 da novela juvenil da Rede Globo Malhação, batizada de Viva a Diferença, ganhou em novembro de 2020 um spin-off: o seriado As Five, que traz de volta as cinco protagonistas retomando a sua amizade já adultas, seis anos depois de terem saído da escola. 

Com uma primeira temporada de 10 episódios, As Five já é um dos programas mais assistidos e comentados do serviço de streaming da gigante do audiovisual brasileiro – tanto que já teve sua segunda temporada confirmada para 2021.

Assim como Malhação – Viva a Diferença, As Five deve muito ao talento de ex-alunos da ECA. O time de roteiristas da série inclui três ex-alunos do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão (CTR): Vitor Brandt, que ingressou no Curso Superior do Audiovisual em 2002, Jasmin Tenucci, da turma de 2004, e Luna Grimberg, ingressante de 2006. Para completar, uma das protagonistas da série, a atriz Ana Hikari, que interpreta a personagem Tina, graduou-se pelo Departamento de Artes Cênicas (CAC) e é filha do professor Almir Almas, chefe do CTR.

 

Cartaz digital As Five

 

A criação e direção geral da série são assinadas por Cao Hamburguer, que já disse em entrevista ao Jornal da USP se considerar um uspiano mesmo sem ter completado graduação na Universidade: filho dos professores do Instituto de Física (IF) Ernst Hamburger (1933-2018) e Amélia Hamburger (1932-2011) e irmão da professora Esther Hamburger, do CTR, ele estudou na Escola de Aplicação e passou a infância na Cidade Universitária. Seu filme de estreia foi o curta-metragem de animação Frankenstein Punk (1986), uma coprodução da Vertigo Produções com a ECA, codirigida por Eliana Fonseca, ex-aluna e professora da Escola.

A primeira temporada de As Five pode ser conferida na íntegra pelos assinantes do Globoplay. 

 

Com informações do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão (CTR)