Ciclo Cartografias da Crítica debate flagrantes de violência policial

24/10/2017 14:00
24/10/2017 17:00

No dia 24 de outubro, às 14h, o grupo de pesquisas MidiAto promove o debate Imagens Urgentes: flagrantes videográficos de violência policial na periferia, a ser ministrado pelo pesquisador Felipe Polydoro, que integra o ciclo de discussões Cartografias da Crítica. A apresentação ocorre na sala 223 do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão (CTR). 

Em um momento no qual moradores da periferia têm usado cada vez mais celulares e redes sociais para produzirem e difundirem imagens que denunciam casos de abuso policial, a palestra objetiva refletir sobre a eficácia de tais flagrantes como prova "autêntica" e recurso para furar a barreira da cobertura midiática.

Além disso, o encontro também pretende examinar os limites dessa imagem, que associa periferia à violência, como agente de transformação de uma cultura repressiva e de que modo estes vídeos expressam a memória do encontro entre a periferia e as forças repressivas do Estado. A discussão usará como referência os vídeos da Favela Naval, no Brasil e de Rodney King, nos Estados Unidos.

Felipe Polydoro é doutor em Meios e Processos Audiovisuais pela ECA e atualmente desenvolve pesquisa de pós-doutorado no Programa de Pós-Graduação em História Social da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH).

O ciclo Cartografias da Crítica, aberto ao público, tem como objetivo recuperar fundamentos teóricos, de modo a debater o desenho atual dos estudos de crítica da mídia e audiovisual, inserindo-se na proposta do MidiAto de desenvolver um posicionamento crítico acerca de produções midiáticas e audiovisuais.

Serviço:

Data: 24 de outubro

Horário: 14h às 17h

Local: Sala 223 - CTR