Exibição do filme: Histórias que nosso cinema (não) contava

23/06/2017 09:30
23/06/2017 11:30

O Grupo de Pesquisa História e Audiovisual: circularidades e formas de comunicação promove no dia 23 de junho, sexta-feira, às 9h30, a exibição do filme Histórias que nosso cinema (não) contava (2017, 79 min.), de Fernanda Pessoa. Após a sessão, haverá um debate com a presença da diretora no Auditório Lupe Cotrim.

O documentário realiza uma releitura dos anos 1970 no Brasil através apenas de imagens e sons de filmes populares da época, muitos considerados "pornochanchadas", o gênero mais visto e produzido no período. O filme fez sua estreia em janeiro, durante a 20ª Mostra de Tiradentes (Mostra Aurora). “A minha tese inicial era provar que em qualquer lugar, mesmo o mais inusitado, é possível achar traços da nossa história. Mesmo os filmes sem conteúdo político também são documentos históricos, aprende-se muito com eles”, explicou a diretora Fernanda Pessoa em entrevista ao portal Vozes do Mundo durante o 29º Cinélatino Rencontres de Toulouse, onde participou da competição de documentário.

 

 

 

Registrado no CNPq e coordenado pelos professores Eduardo Victorio Morettin (CTR) e Marcos Napolitano (FFLCH-USP), o grupo de pesquisa História e Audiovisual: circularidades e formas de comunicação é estruturado em quatro principais linhas de pesquisa: análise fílmica e representação histórica; crítica e memória histórica; políticas do cinema e do audiovisual; história do cinema e do audiovisual.

 

Serviço:

Exibição do filme: Histórias que nosso cinema (não) contava

Realização: Grupo de Pesquisa CNPq História e Audiovisual: circularidades e formas de comunicação

Data: 23 de junho

Horário: 9h30

Local: Auditório Lupe Cotrim, 1º andar - Prédio Central (Prédio 1)

Haverá transmissão ao vivo do debate pelo IPTV-USP