Curso de Biblioteconomia

Curso de Biblioteconomia

Departamento de Biblioteconomia e Documentação

http://www2.eca.usp.br/cbd/

http://www2.eca.usp.br/cbd/site

 

Prezado Estudante

Que tal atuar em uma área de vasta oportunidade profissional. Seja um bibliotecário, e exerça uma profissão que dá sentido à vida das pessoas.

 

Apresentação

A informação é, neste final de século, um dos fatores de maior importância para o fortalecimento das relações entre os seres humanos, presente em todas as atividades pessoais, intelectuais e comerciais. Dominar os instrumentos que facilitem o seu acesso e recuperação é condição necessária para o progresso de qualquer área do conhecimento.

A diversidade de suportes e meios de comunicação (impressos, disquetes, CD-ROMs, DVDs, pendrives, Internet); de formatos (textual, imagens fixas e em movimento, sonoros, auditivos); e de materiais informacionais (livros, periódicos, dissertações, relatórios, discos, filmes, patentes), bem como a complexidade das demandas informacionais dos vários segmentos da sociedade exigem um profissional com formação especializada e visão ampla dos contextos da informação e do conhecimento. Assim, integrado ao universo de profissionais da informação, cabe ao bibliotecário responder pelo planejamento, implementação e gerenciamento de sistemas informacionais, em um mercado de trabalho com potencial de expansão ainda insuficientemente explorado.

 

O Curso de Biblioteconomia da USP

O curso busca integrar o futuro bacharel em Biblioteconomia com um ambiente em ebulição: por um lado, propiciando-lhe os conhecimentos e instrumentos necessários para adequar-se às novas exigências da sociedade; e, por outro, preparando-o para atuar não apenas nos ambientes tradicionais (como bibliotecas públicas, escolares, universitárias, de institutos de pesquisas, empresas), mas também em ampla variedade de instituições e atividades vinculadas à área de informação, como empresas de comunicação, arquivos, museus e grupos específicos (sindicatos e movimentos populares, entre outros).

As disciplinas do curso abordam temas como organização e representação da informação, estudos de uso e de usuário da informação, história da cultura, tecnologia aplicada aos sistemas de informação, administração de produtos e serviços de informação, desenvolvimento de coleções impressas e digitais. Conteúdos que habilitam os estudantes a montar sistemas de organização e de acesso aos dados. O estágio curricular é obrigatório e exige-se, ainda, uma monografia de conclusão de curso.

 

Duração: quatro anos (período matutino) e cinco anos (período noturno).

Você pode escolher que período estudar. Terá que cursar a maioria de disciplinas obrigatórias e, também, algumas disciplinas optativas, para completar sua formação da maneira que melhor lhe interessar, dentro das inúmeras possibilidades da ECA ou mesmo da USP como um todo. Este é um diferencial de estudar na USP, em relação aos cursos particulares.

Para informações detalhadas sobre o curso, ver em:

http://www2.eca.usp.br/cbd/site/

Ou se preferir informe-se diretamente no stand ou na própria ECA, no Departamento de Biblioteconomia e Documentação: Av. Prof. Lúcio Martins Rodrigues, 443 – Prédio Central, CEP: 05508-900, São Paulo - SP. Tel. (11) 3091-4076.

 

Perfil de Competência de um Bacharel em Biblioteconomia da USP

O perfil do formado em Biblioteconomia, além da inclusão dos componentes comuns do campo da comunicação, deve contemplar competências que o tornem capaz de:

1. Conceber, implementar e administrar serviços de informação vinculados a instituições da esfera pública e privada;

2. Elaborar diagnósticos, prognósticos, estratégias e políticas voltadas para o tratamento técnico, busca, recuperação e disseminação da informação em seus diversos formatos, mídias e suportes;

3.  Atuar junto a organizações públicas e/ou privadas que incluam atividades caracterizadas por estratégias que visem a organização, recuperação e disseminação da informação, adequando-as às necessidades das comunidades que atendem;

4. Participar de equipes multidisciplinares voltadas para a elaboração de políticas de informação de caráter institucional, estadual, regional ou federal, bem como pelo desenho de macrocenários que tenham a informação como objeto de estudo;

5. Realizar a interlocução entre as funções típicas da área de informação e as demais funções profissionais ou empresariais da área da Comunicação e, também, com outras áreas sociais, culturais e econômicas com as quais os profissionais da informação exerçam interface;

6. Estimular a formação de futuros docentes e pesquisadores nos domínios da informação, educação e comunicação, que constituem áreas de atuação naturais para o profissional da informação;

7. Exercer todas as demais atividades que, no estado então vigente da profissão, sejam reconhecidas, pelo bom senso, pelas entidades representativas ou pela legislação pertinente, como características do profissional de informação.

 

A profissão de Bibliotecário no Brasil

A profissão de Bibliotecário foi inicialmente regulamentada pela Lei Federal n. 4.084 de 1962, regulamentada pelo Decreto Federal n. 56.725, de 1965. Em 1998, a Lei Federal 9.674 atualizou o exercício da profissão e determinou outras providências quanto à sua estruturação. Segundo a legislação, são atribuições legais do Bibliotecário a organização, direção, e execução dos serviços técnicos de unidades de informação de repartições públicas federais, estaduais, municipais e autárquicas e empresas particulares, bem como a atuação como profissional liberal em atividades ligadas à preservação, recuperação e disseminação da informação em seus diferentes suportes.

 

Mercado de Trabalho

Além de diversificado, o mercado de trabalho bibliotecário é por demais promissor. Atualmente, está em vigor a Lei Federal n. 12.244 de 2010 que trata da universalização das bibliotecas nas instituições de ensino do País. A Lei determina a instalação de bibliotecas em todas as escolas do país até 2020 e será necessário formar 160 mil novos bibliotecários nos próximos 10 anos. Este fato é um dos indicativos da alta temperatura do mercado de trabalho para o graduado em Biblioteconomia. O salário inicial de um bibliotecário, na média: R$ 2.052,00.

 

Outros nomes de identificação de Cursos de Biblioteconomia

Biblioteconomia e Ciência da informação; Biblioteconomia e Ciência da informação e da Documentação; Biblioteconomia e Documentação; Biblioteconomia e Gestão de Unidades de informação.

 

Vídeos informativos sobre a Profissão de Bibliotecário

http://goo.gl/qgOS0g - Dia do Bibliotecário, 2013

http://goo.gl/9cfhrF - Dia do Bibliotecário, 2012

http://goo.gl/rdGLnc - Depoimento sobre a profissão

http://goo.gl/fzqom7 - Apresentação sobre a profissão, 2010

http:// o.ggol/3obHpB - Apresentação sobre a profissão, 2007

 

Endereços úteis para conhecer mais sobre a Profissão de Bibliotecário e os cursos de Biblioteconomia

http://www2.eca.usp.br/cbd/site/ - Site sobre o curso de Biblioteconomia da USP em São Paulo, Capital

http://www.cfb.org.br/ - Conselho Federal de Biblioteconomia

http://www.crb8.org.br/ - Conselho Regional de Biblioteconomia, São Paulo/SP

http://febab.org.br/ - Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições

http://www.sinbiesp.org.br/ Sindicato dos Bibliotecários no Estado de São Paulo

http://www.abrainfo.org.br/ - Associação Brasileira de Profissionais da Informação

http://www.abecin.org.br/ - Associação Brasileira de Educação em Ciência da Informação

http://goo.gl/IKbqw4 - Guia de Estudante sobre Profissão de Bibliotecário

 

Bom, apresentamos o curso de Biblioteconomia, na ECA, a Escola de Comunicações e Artes da USP.

Agora queremos você como aluno e futuro profissional...