#ECAemCasa: cultura e arte durante a quarentena

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, a USP tem entrado em ação para pensar em formas de combater e reduzir os malefícios que o vírus está trazendo para a sociedade. A ECA, por sua vez, tem contribuído com iniciativas relacionadas aos seus ramos de atuação: comunicação, informação e artes. 

Estudantes e professores dos cursos música, artes cênicas e artes Visuais têm usado as plataformas online para criar e compartilhar arte com a sociedade. São vídeos de performances, materiais de estudo e apresentações musicais e teatrais.

Confira:

Música na quarentena

Vídeo destaca atividades do Departamento de Música realizadas durante a quarentena: recitais on-line, aulas, tutoriais, composições e performances.


Performance-protesto: A Marcha a Ré

Com 120 carros em marcha à ré na Avenida Paulista, Antônio Araújo, professor do Departamento de Artes Cênicas, em parceria com o artista plástico Nuno Ramos e o cineasta Eryk Rocha, faz uma crítica aos discursos negacionistas sobre a Covid-19.

Piano em casa

A ideia de recital on-line surgiu da necessidade de conexão entre os alunos da classe de piano no período de distanciamento social, levando a uma série de eventos mensais on-line, com transmissão ao vivo pelo canal do Laboratório de Piano USP no Youtube. Em 2021, o laboratório também realizou a primeira edição on-line do projeto Em Preto e Branco, que divulga os cursos do Departamento de Música junto a conservatórios e outras instituições de formação musical. 


Canto coral

O Comunicantus: Laboratório Coral  continua com a prática coral, com apresentações remotas, exibição de gravações de performances anteriores e produção de material de estudo. Confira nos canais no Youtube do Laboratório e do Coral da ECA.


Teatro e dança

O grupo Laboratório de Pesquisa e Estudos em Tanz Teatralidades (LAPETT) recriou trechos do espetáculo 1º de Abril, recém-selecionado pela Mostra Estudantil do TUSP,  e o resultado você confere neste vídeo.


Classe de violino

A classe de violinos explora novos arranjos, como a mistura de música clássica com forró, em Quarentena de Mozart, que une a Sinfonia nº. 40 do compositor austríaco e obra do acreano Chico Chagas.


Literatura

O projeto Coronavírus: causos e consequências  é um espaço aberto criado pesquisadores de jornalismo para publicação de materiais artísticos e jornalísticos de combate e reflexão sobre o Covid-19. Diversos formatos são aceitos: poemas, vídeos, áudios, dicas e até mesmo documentários.


Dança

O vídeo Coreografia do Vírus, realizado pela docente Andréia Nhur, do Departamento de Artes Cênicas (CAC) em parceria com a artista Paola Bertolini, lança um olhar crítico sobre a pandemia de Covid-19.


Percussão

Integrantes do grupo Percussivo USP, vinculado ao Departamento de Música (CMU) adaptam repertório ao isolamento social e usam as redes sociais para divulgar sua produção artística.


Jornada de Quarentena

Iniciativa do Fórum Permanente e coordenação do professor  Martin Grossmann, do Departamento de Informação e Cultura (CBD), consiste em uma seleção de materiais publicados pelo Fórum com o  objetivo de "estimular a difusão de conteúdos de qualidade sobre arte contemporânea, cultura e museus de arte”. 


O que vale a pena na vida?

O projeto Vale a Pena apresenta em um site as reflexões gráficas de estudantes do curso de publicidade e propaganda, estimuladas pelo isolamento e outros efeitos da pandemia na vida das pessoas. 


Sonhos de uma noite de Quarentena

Alunas do bacharelado em Artes Cênicas estão coletando relatos de sonhos para produzir um curta-metragem. A ideia é expressar artisticamente a relação entre sonhos, confinamento e pandemia, sob a orientação do professor Felisberto Sabino, do Departamento de Artes Cênicas (CAC). 


Vídeo-concertos da OCAM

Em meio a pandemia, a Orquestra de Câmara (OCAM) da ECA-USP fez uso o audiovisual para promover uma mensagem para estimular a fé, a coragem e a união na luta contra a Covid-19. Em maio, lançou Temos por quem lutar, videoclipe em que apresenta arranjo de Trenzinho Caipira, de Heitor Villa-Lobos. Espero que Nomes Consigam Tocar se inspirou no projeto Inumeráveis para fazer uma homenagem as vítimas da Covid-19. E, agora no final do ano, uniu-se ao CoralUSP e a OSUSP no vídeo-concerto Pai Grande – Uma homenagem a Milton Nascimento, que reúne músicas do artista que falam da necessidade de resistência, luta e esperança. A iniciativa da Orquestra rendeu uma indicação ao Grande Prêmio Concerto 2020


250 anos de Beethoven

Os professores do Departamento de Música estiveram envolvidos em diferentes eventos que celebraram os 250 anos do compositor e pianista Ludwig van Beethoven. No mais recente deles, o professor Ricardo Ballestero e os ex-alunos Cristian Budu, Leandro Isaac Motta, Pedro Brack e outros tocaram as 32 sonatas de Beethoven em caminhão que circulou pela cidade de São Paulo durante a Virada Cultural.

Para acompanhar no dia a dia, siga os posts da ECA no Facebook, Twitter e LinkedIn