7º Campus Mobile recebe soluções móveis para estudantes do ensino superior

A sétima edição do projeto Campus Mobile está com inscrições abertas até 22 de novembro de 2018 para ideias inovadoras de estudantes do ensino superior, ensino técnico ou recém-formados.

O programa é realizado pelo Instituto Net Claro Embratel em parceria com a Associação do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico e com o apoio da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP).

Os participantes selecionados receberão monitoria de especialistas da área de inovação para o aperfeiçoamento dos projetos submetidos. Eles também participarão de uma semana presencial em São Paulo, com maratona de programação, palestras e visitas a empresas parceiras. Além do prêmio em dinheiro, o grupo vencedor de cada categoria ganhará uma viagem para o Vale do Silício.

Os projetos são divididos em quatro categorias: Educação, Diversidade, Smart Cities e Smart Farms.

Na primeira categoria, serão analisados produtos ou serviços inovadores para dispositivos móveis que promovam e aprimorem a aprendizagem dentro e fora da escola ou o interesse pelos estudos. Em Diversidade, serão avaliados projetos que tornam as empresas mais inclusivas e diversas.

Em Smart Cities, o objetivo é buscar soluções que contribuam para a infraestrutura urbana, tornem os grandes centros mais eficientes e melhorem a vida de seus habitantes. A última categoria, Smart Farms, traz iniciativas que tenham o objetivo de melhorar a infraestrutura e a vida dos habitantes em regiões rurais.

Os candidatos devem estar ligados a um curso de graduação de uma instituição de ensino superior no Brasil, ou serem recém-formados em um curso de graduação (em 2018 ou 2017); ter no mínimo 18 anos; ser responsáveis diretos pelo projeto proposto (idealização e execução). Também não podem participar pessoas envolvidas diretamente com o programa, bem como seus cônjuges e parentes de até segundo grau.

A primeira fase do programa é o desenvolvimento dos projetos, que ocorrerá até 1º de fevereiro de 2019. Após as inscrições serão selecionados até 20 projetos por categoria. Os estudantes selecionados terão a oportunidade de desenvolver seus projetos, contando com o apoio de um tutor. A segunda fase do programa é a participação na semana presencial em São Paulo, entre os dias 4 e 8 de fevereiro.

A terceira fase consiste na finalização dos protótipos, de 18 de fevereiro a 29 de abril. A quarta fase do programa consiste em uma viagem de imersão à cidade de São Francisco e ao Vale do Silício, com visita à universidade de Stanford, nos Estados Unidos, concedida aos estudantes vinculados ao projeto com melhor desempenho em cada categoria. A viagem ocorrerá no segundo semestre de 2019. As datas serão divulgadas via e-mail para o endereço eletrônico dos estudantes premiados.

Os interessados podem se inscrever pelo site do Campus Mobile. As inscrições dos projetos podem ser feitas individualmente ou em equipes de até três pessoas. Serão selecionados na primeira fase até 20 projetos por categoria, não excedendo o número de 160 estudantes.

Mais informações: www.institutonetclaroembratel.org.br/campus-mobile