Da radionovela ao podcast: ficção radiofônica é tema de disciplina de pós-graduação

Nova disciplina de pós-graduação discute sobre as ficções radiofônicas, traçando um panorama nacional e internacional desse tipo de conteúdo 

Desde as radionovelas até os recentes podcasts de sucesso, como Serial, as ficções radiofônicas são tema de muita curiosidade. Além, é claro, de serem excelentes objetos de estudo. Agora, é possível entender mais sobre essas narrativas através da disciplina oferecida pelo Programa de Pós-graduação em Meios e Processos Audiovisuais (PPGMPA). 

Ficção Radiofônica: história e perspectiva será ministrado pelo professor Eduardo Vicente, do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão (CTR), e pelo professor da Universidade Federal de Uberlândia, Rafael Duarte Oliveira Venancio. O curso começa no dia 7 de outubro e tem duração de dez semanas. As aulas serão às segundas-feiras, das 14h às 17h. 

O objetivo é entender a produção ficcional através do áudio – podcasts, programas de rádio, mídias sonoras digitais – tanto no Brasil como ao redor do mundo. Alguns países estudados serão os Estados Unidos, a Espanha e o Reino Unido, que têm, hoje, um cenário forte de produção de podcasts de ficção, usando técnicas de storytelling e revolucionando o gênero do jornalismo radiofônico. 

"A prática do podcasting tem aberto novas possibilidades de produção radiofônica que basicamente desapareceram do rádio convencional brasileiro. A ideia da disciplina é retomar a discussão da produção radiofônica ficcional, olhando para o passado mas considerando justamente nessas novas alternativas de produção e difusão que estão se abrindo", comenta o professor Eduardo.

Alunos de graduação e estudantes de pós-graduação de fora da ECA também podem participar. Os interessados devem entrar em contato por e-mail com o professor Eduardo Vicente.

Saiba mais:

A ECA tem aumentado sua produção de podcasts: o grupo de pesquisa MidiaSon lançou recentemente seu podcast Nós, mulheres negras. O MidiAto tem sua produção no SoundCloud e no Youtube. A Jornalismo Júnior, por sua vez, também tem o podcast Fora da Caixa, que trata de diversos temas contemporâneos.