Curta de ex-alunos conquista o Emmy, um dos mais importantes prêmios do Audiovisual

Obra mistura animação e narrativa imersiva em realidade virtual; com transmissão ao vivo, cerimônia de premiação acontece nesta quinta a partir das 21h

 

O curta-metragem de animação em realidade virtual A Linha recebeu um Emmy, a maior e mais prestigiosa premiação atribuída a programas e profissionais de televisão. A obra se destacou na categoria Outstanding Innovation in Interactive Media (Melhor Inovação em Mídia Interativa, em tradução livre), que reconhece as melhores contribuições para a evolução técnica e estética da interatividade em mídias digitais.

 

Com direção de Ricardo Laganaro, formado em Publicidade e Propaganda pela ECA, a obra tem mais uma ex-ecana na equipe: Mariana Brecht, egressa do Curso Superior do Audiovisual, que trabalhou no roteiro e design narrativo do filme. A narrativa imersiva conta uma história de amor entre dois bonecos que habitam uma maquete da São Paulo dos anos 1940. Pedro –  dublado pelo ator Rodrigo Santoro  é um entregador que diariamente deixa uma flor na porta de Rosa. Quando as flores acabam, o rapaz precisa mudar seu percurso para encontrar novos agrados para a amada e começa a ver o mundo sob uma nova perspectiva. Confira o trailer (em inglês): 

 

 

 

O anúncio da premiação foi feito no início deste mês pela Academy of Television Arts & Sciences (ATAS), cujos membros compõem os júris do Emmy Awards. A honraria recebida pelo curta-brasileiro integra as premiações técnicas da 72ª edição do Emmy e será entregue na cerimônia do Creative Arts Emmy Awards, que este ano acontece virtualmente entre os dias 14 e 19 de setembro. A Linha recebe oficialmente seu Emmy nesta quinta, 17 de setembro, em transmissão ao vivo a partir das 21h. Para assistir, clique aqui.

 

Exibido na programação de realidade virtual da 43ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo no ano passado e na edição virtual e conjunta do Festival de Cannes com o Festival de Tribeca deste ano, A Linha já conquistou prêmios de melhor experiência em realidade virtual no 76º Festival de Veneza e no Kaohsiung Film Festival, em Taiwan.

 

 

I

Na montagem comemorativa elaborada pelo estúdio Arvore, responsável pela produção do curta-metragem, o protagonista Pedro oferece um Emmy para sua amada, Rosa. Imagem: estúdio Árvore.