Flávia Toni é eleita para a Academia Brasileira de Música

No último dia 27 de outubro, Flávia Camargo Toni, professora do Programa de Pós-graduação em Música  da ECA e do Instituto de Estudos Brasileiros, foi eleita, com 21 votos, para ocupar a cadeira número 40 da Academia Brasileira de Música. A cadeira agora ocupada pela professora possui Mário de Andrade como patrono e já pertenceu a Renato Almeida e por Vasco Mariz. Flávia Toni é filha do professor, maestro e compositor Olivier Toni, fundador do Departamento de Música (CMU), recentemente falecido.

Flávia Toni é mestre e doutora em Artes pela ECA, com pesquisas na literatura musical do escritor Mário de Andrade e na vida e obra do maestro Camargo Guarnieri. Mantém projetos de pesquisa sobre as correspondências trocadas entre Mário de Andrade e Luciano Gallet e edições críticas da obra do escritor modernista. Autora de vários livros e de capítulos em obras coletivas sobre música, publicou dezenas de artigos em periódicos brasileiros e estrangeiros. 


Docente irá ocupar a cadeira número 40 da Academia Brasileira de Música, cujo patrono é Mário de Andrade. Foto: IEA/USP