ECA participa do 40º Prêmio Vladimir Herzog

A ECA foi uma das instituições organizadoras do 40º Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog, realizado no dia 25 de outubro no Teatro de Arena da PUC (Tucarena) pelo Instituto Vladimir Herzog. Ricardo Alexino Ferreira e Vitor Blotta, docentes do Departamento de Jornalismo e Editoração (CJE), fizeram parte da equipe da Comissão de Premiação e ajudaram a escolher os vencedores.


Alunos e ativistas durante o 40º Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog, realizado no dia 25 de outubro, na Tucarena. Foto: João Paulo Brito/Conectas

O prêmio tem o intuito de prestigiar jornalistas que cooperam pela valorização dos direitos humanos, democracia e cidadania social em suas atividades, sempre priorizando o rigor de investigação e qualidade literária. Todas as categorias – arte, áudio, fotografia, texto, multimídia e vídeo – premiam vencedores e menções honrosas. As produções jornalísticas e de arte premiadas neste ano contaram com críticas às desigualdades sociais, à violência, ao trabalho semiescravo e à política contemporânea brasileira. Confira os vencedores aqui.

Foram 607 trabalhos inscritos e avaliados pela Comissão de Premiação de 33 jurados na primeira fase; na segunda etapa, dirigentes e membros de 13 entidades organizadoras, como a ECA, selecionaram os vencedores e aqueles que receberam menção honrosa. Nesta edição, o professor aposentado do CJE, Bernardo Kucinski, foi homenageado para o Prêmio Especial do 40º Prêmio Jornalístico Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos, que tem sua trajetória marcada como jornalista e escritor comprometido com os direitos humanos. A cerimônia também homenageou jornalistas e personalidades que tiveram uma contribuição relevante para a sociedade ao longo do último ano, entre eles, o professor emérito da ECA José Marques de Melo, recentemente falecido.