Com participação de Chico César, OCAM lança clipe em homenagem às vítimas da covid-19

Inspirado no projeto Inumeráveis, vídeo também conta com a presença dos músicos Bráulio Bessa e Neymar Dias, além do Coro de Câmara Comunicantus e do Coral da ECA

 

De acordo com levantamento feito pela Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos, a pandemia recentemente ultrapassou a marca de 1 milhão de mortes. Os números assombrosos tornam fundamental a conscientização da sociedade, para que os efeitos da crise sanitária não sejam minimizados e banalizados. Sensível a essa realidade, a Orquestra de Câmara da ECA (OCAM) acaba de lançar um videoclipe em homenagem aos mortos pelo coronavírus no Brasil.

 

Com inspiração no projeto Inumeráveis – memorial que mostra as histórias de vida por trás dos números da pandemia – o clipe originou-se da canção homônima composta por Bráulio Bessa e Chico César. A letra dos autores convida a pensar para além das estatísticas, considerando as trajetórias pessoais que foram interrompidas. Nomes como o do cobrador de ônibus Carlos Antônio, da pianista Diva Thereza e da atriz e radialista Daisy Lúcidi são citados ao longo da música, junto com versos que contam detalhes prosaicos de suas vidas, como o hobby preferido ou um plano que tinham para o futuro.

 

Tomando de empréstimo o refrão da música, o clipe “Espero que nomes consigam tocar!” explora visualmente a ideia contida na letra da canção ao alternar imagens dos artistas e músicos com fotografias de vítimas célebres e anônimas do coronavírus. Além da própria OCAM, de Chico César e de Bráulio Bessa, o vídeo traz como convidados o violeiro Neymar Dias, o Coro de Câmara Comunicantus e o Coral da ECA. Nesta matéria do Jornal da USP, os músicos e o diretor artístico do vídeo, Anderson Penha, falam mais sobre a realização do clipe.

 

"Espero que nomes consigam tocar!" teve estréia em 25 de setembro, durante o intervalo do programa Band Notícias. O clipe tem sido veiculado na Rede Bandeiantes e também está disponível no Youtube. Assista a seguir:

 

Esse é o segundo clipe lançado pela OCAM durante a pandemia. Em maio, a Orquestra já havia publicado o vídeo “Temos por quem lutar”, que estimula a união e a responsabilidade de todos no combate à covid-19. Com performances gravadas pelos músicos em suas casas, o clipe apresenta o clássico "Trenzinho Caipira", de Heitor Villa-Lobos, em um arranjo repleto de referências à música popular brasileira.