Intercambistas são acolhidos com evento e tour pela ECA

No dia 29 de julho, aconteceu a recepção dos intercambistas da ECA no Auditório Lupe Cotrim, no Prédio Central, seguida de uma oficina com a BaterECA. São 15 intercambistas, de Inglaterra, Espanha, Equador, França, México, Argentina e Colômbia. O evento foi organizado por Thaise Desiree e Laís Ribeiro, da Comissão de Relações Internacionais da ECA USP (CRInt).  


15 intercambistas de diversos países na reunião de recepção. Foto: Thaise Desiree

Foram apresentadas informações e ferramentas importantes para o dia-a-dia dos intercambistas na USP, como o cartão e o QR code para uso do Restaurante Universitário, o cartão BUSP para utilizar os circulares, o acesso ao CEPEUSP, o uso do sistema Júpiter e toda a contextualização da ECA na Universidade. Além disso, foram dadas informações sobre a documentação para estrangeiros no Brasil, pois com as regras novas muitos intercambistas possuem dúvidas em relação ao Registro Nacional de Estrangeiro (RNE).

A docente do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão (CTR), Cecilia Antakly de Mello, da Comissão de Relações Internacionais da ECA, deu boas-vindas aos estudantes.


Cecilia Antakly de Mello (CTR) deu as boas-vindas aos novos intercambistas da ECA USP. Foto: Thaise Desiree

Algumas entidades estudantis se apresentaram para os alunos estrangeiros: o coletivo LGBT Camaleoa falou sobre a importância de lutar pelos direitos de pessoas LGBT, reforçando a proposta do grupo de ser um espaço de união, acolhimento e orgulho; a Aliança Bíblica Universitária (ABU), que não é vinculada à ECA, mas realiza reuniões em diversos lugares na USP, com o intuito de discutir a Bíblia e a importância da conexão da fé com a razão; a bateria universitária da ECA, BaterECA, realizou uma oficina com seus instrumentos, mostrando a função de cada um deles. Os participantes ficaram muito animados e alguns tocaram o tamborim instruídos pelas “baterecanas”. 


Intercambistas aprendem instrumentos com a BaterECA em um momento de integração. Foto: Thaise Desiree

A Biblioteca da ECA também fez parte desse dia de recepção, explicando o que os intercambistas precisam fazer para utilizar a biblioteca, emprestar os livros e estudar em seus espaços.

Durante o tour pela instituição realizado na terça-feira, dia 30, Laís Ribeiro relatou que os estudantes mostraram-se entusiasmados para estudar e usufruir da estrutura da ECA. Na quarta-feira, foi feito um tour pela USP com o Giro Cultural, que passou por vários institutos e pontos turísticos do campus. No dia 10 de agosto, haverá um tour por São Paulo, em conjunto com o Instituto de Relações Internacionais (IRI) e a Faculdade de Educação (FEUSP), por meio do Giro Cultural Modernista, da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU).