"Jornalismo em Gêneros" homenageia obra de García Marquez

Portal de Livros Abertos da USP disponibiliza para download o terceiro volume da série Jornalismo em Gêneros, uma produção coletiva dos estudantes da disciplina Conceitos e Gêneros de Jornalismo, ministrada pelo professor Alexandre Barbosa no curso de Jornalismo. O livro é uma homenagem aos 50 anos da publicação da obra Cem Anos de Solidão, de Gabriel García Marquez.

“As crônicas construídas a partir da leitura de Cem Anos de Solidão pelos dos jovens estudantes sobre Cem Anos de Solidão vão mexer com corações e mentes. Tanto que até o professor-orientador, com anos de janela na leitura de textos, várias vezes se viu em meio às lágrimas.  Não porque as histórias fossem necessariamente tristes, mas pela magia de ver como esse clássico latino-americano pôde inspirar a redação desse gênero tão brasileiro e, por extensão, tão latino-americano,” escreve Barbosa no prefácio.

A capa, também foi produzida pelos alunos, reproduz um trecho do discurso de agradecimento de García Márquez, ao receber o Prêmio Nobel de Literatura

Os textos foram agrupados em capítulos conforme as particularidades de cada um. Em Américolatinidades, as crônicas descrevem fatos e costumes latino-americanos, independente do idioma; América Latina, cem anos solitária reúne textos que denunciam a solidão e a miséria no continente; Sobre outras Úrsulas narra histórias de mulheres fortes que lutam para contra a solidão e o machismo na América Latina; Sobre o jornalismo e jornalistas é uma coletânea de reflexões e relatos pessoais sobre a profissão; Pergaminhos de Melquíades reúne crônicas que evocam os personagens de García Márquez. Por fim, A mortalha (ou, a vida) reúne textos que falam sobre os ciclos da vida e suas particularidades.

Além das crônicas escritas pelos estudantes de jornalismo, a obra traz também entrevistas com correspondentes da Argentina, Chile, Colômbia e Peru que atuam no Brasil e verbetes sobre o jornalismo dos países da América do Sul.