"Mediações críticas" é tema de livro do grupo MidiAto

O MidiAto – Grupo de Estudos de Linguagem: Práticas Midiáticas promove no dia 14 de dezembro, quinta-feira, o debate e lançamento de livro Mediações críticas: representações na cultura midiática, organizado por Márcio Serelle, professor do Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social da PUC Minas, e Rosana Soares, docente do Departamento de Jornalismo e Editoração (CJE) da ECA. O lançamento acontece às 14h30 na sala 224 do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão (CTR).

“Na multiplicidade das mediações e das representações por ela engendradas, o gesto imprescindível de narrar o outro assume formas diversas e, por vezes, contraditórias: atos de domesticação ou apagamento de diversidade; de afirmação de distâncias intransponíveis; de contranarrativas, na luta por representatividade e pelo desmanche de estereótipos, de discursos não hegemônicos em busca de reconhecimento”, escrevem os organizadores na introdução da obra.

O livro é o primeiro publicado pela Rede de Pesquisa em Cultura Midiática – Metacrítica, formado por pesquisadores da USP, da PUC Minas e Universidade Federal de Santa Catarina, e conta com 16 artigos que abordam temas diversos tais como o jornalismo impresso e audiovisual, as séries televisivas e as redes sociais, estabelecendo o campo da crítica de mídia como uma crítica das mediações.

Participam do debate a professora Mayra Rodrigues Gomes, do Departamento de Jornalismo e Editoração da ECA-USP e uma das líderes do MidiAto, e o organizador Marcio Serelle. O evento marca o encerramento das atividades do ano do ciclo Cartografias da Crítica, promovido pelo MidiAto com o objetivo de recuperar os fundamentos teóricos sobre a crítica.