Docente do CTR é curadora de mostra sobre cinema taiwanês

De 6 a 24 agosto, o CINUSP exibe a mostra Mestres do Cinema de Taiwan, com filmes de sete cineastas que colaboraram com a história da cinematografia taiwanesa dos anos 1980 até a atualidade. A mostra foi criada a partir dos princípios de autoria e nacionalidade e tem curadoria de Cecília Antakly de Mello, docente do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão (CTR), pesquisadora dos cinemas asiáticos e vice-diretora do CINUSP. No dia 14, terça-feira, às 19h, em seguida da exibição do filme Os terroristas (1986), ocorrerá um debate com a curadora da mostra.

No dia 14, a mostra Mestre do Cinema de Taiwan promove debate sobre o filme Os terroristas com Cecília Antakly, curadora e docente do CTR. Vídeo: Divulgação/CINUSP

Segundo Cecília Antakly, a curadoria da mostra buscou expandir o conhecimento dessa cinematografia para o público brasileiro “ao incluir outros nomes importantes do cinema de Taiwan a partir dos anos 1980 e bem menos conhecidos e até mesmo inéditos em telas de cinema no país”. Ela também comenta que é de suma importância que as pessoas tenham conhecimento e realizem debates sobre a cinematografia de outros países já que estamos em um mundo conectado, pontuando sobre a relevância de lembrar que “o cinema é uma arte que já nasce em movimento, e que, além de promover uma viagem por espaços, também viaja pelo mundo. Assim, nada mais importante do que se atentar para a cinematografia de outros países e pensar a arte cinematográfica como fruto justamente dessas trocas”, conclui.

Graduada em Direito pela USP, Cecília Antakly possui mestrado em produção de cinema e televisão (Film and Television Production) pela Universidade de Bristol, Reino Unido, e doutorado em Cinema (Film Studies) pela Universidade de Londres, Reino Unido, com bolsa de doutorado pleno no exterior da CAPES.

Nos anos de 2008 a 2011, Antakly realizou pesquisa de pós-doutorado junto à ECA, com o projeto Movimento e Espaço Urbano no Cinema Mundial Contemporâneo, realizando estágio de pós-doutorado como Visiting Fellow na Taipei National University of the Arts, Taipei, Taiwan (2010 e 2017), no Centre for World Cinemas, Universidade de Leeds, Reino Unido (2011), na Beijing Film Academy, Pequim, China (2013) e na Universidade de Pequim, China (2015).

O CINUSP Paulo Emílio é uma sala de cinema gratuita aberta ao público geral e aos estudantes da USP, localizado na Cidade Universitária. Foi criado em 1993 pela Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária e leva o nome do professor, escritor e crítico Paulo Emílio Salles Gomes que foi um dos principais intelectuais do cinema brasileiro, sendo responsável pela criação de um dos primeiros cursos de cinema do Brasil, na Universidade de Brasília e, depois de seu fechamento, em 1967, colaborando na criação do curso na ECA.