Papel da mídia na construção de estigmas sociais é tema de novo livro de docente do Jornalismo

Lançado na última edição da Compós, obra chama atenção para a responsabilidade que a produção de discursos deve assumir diante de problemas estruturais da sociedade

 

Rosana de Lima Soares, professora do Departamento de Jornalismo e Editoração (CJE) e uma das coordenadoras do grupo de pesquisa MidiAto, acaba de lançar o livro Sutileza e grosseria da exclusão nas mídias (Alameda Editorial). Lançada no 29º encontro anual da Associação Nacional de Programas de Pós-graduação em Comunicação (Compós), a obra reúne o trabalho de uma década de pesquisas da autora sobre as relações entre os discursos midiáticos e os estigmas sociais. 

A partir da análise de narrativas e valendo-se de diálogos com os campos da Psicanálise, Sociologia, Antropologia e Filosofia, a docente apresenta como se opera, nas mídias, a construção de estereótipos e a invisibilização de determinados grupos e sujeitos sociais. Para isso, Rosana mapeou conteúdos jornalísticos impressos (jornais e revistas) e produções audiovisuais (telejornais, filmes e documentários). Os ensaios que compõem a obra revelam a urgência do estabelecimento de políticas de representação mais igualitárias.

Saiba mais sobre o livro em depoimento que a professora concedeu para o Canal da Casa Alameda Editorial no Youtube:

 

Sutileza e grosseria da exclusão nas mídias está a venda no site da Alameda Editorial.

 

Sobre o MidiAto

MidiAto é um grupo de pesquisa que desenvolve seu trabalho no campo das Ciências da Linguagem, englobando diversas linhas de pensamento que levam em conta as condições e implicações da linguagem para a espécie humana. Trata-se de uma área de investigação científica marcada por cruzamentos com a Antropologia, Ciências Cognitivas, Filosofia, Lingüística, Semiótica, Psicanálise e outros. 

O grupo atua nos estudos de linguagem aplicados às produções das mídias em geral, além de acompanhar disciplinas de graduação e pós-graduação focadas no jornalismo e nas mídias em seus diferentes produtos e formatos verbais, visuais e audiovisuais. O MidiAto também é responsável pela publicação das revistas científicas RuMoRes e Anagrama