Organização do conhecimento/organização da informação: emergência, condições de presença e desenvolvimento no contexto brasileiro

Data de Início:
01/01/2013
 
Natureza do Projeto:
PESQUISA
 
Situação do Projeto:
EM ANDAMENTO
 
Dovente Responsável pelo Projeto: Nair Yumiko Kobashi
 
Descrição:
As preocupações teóricas da OCI se desenvolvem com base em múltiplas referências, cujas influências mais notáveis vêm das Ciências da linguagem, das Teorias da Comunicação, das Ciências da Computação, mais precisamente da área da Inteligência artificial e da Lógica. Esta pesquisa se apoia, portanto, em um amplo espectro teórico, tanto do campo das Ciências Humanas e Sociais quanto do campo das Ciências Exatas. Tendo em vista que as máquinas computacionais modelam, cada vez mais, a produção, o armazenamento e a distribuição de bens simbólicos, o campo da OCI não se furta a refletir sobre seus objetos dentro de parâmetros tecnológicos. Na perspectiva que adotamos, os Estudos sociais da ciência, à qual se integram a Sociologia da Ciência e a Antropologia da Ciência fornecem os quadros e conceitos para observar a institucionalização da ciência. A reconstrução crítica desse passado permitirá compreender as políticas de institucionalização da Ciência da informação e o lugar ocupado pelos temas relativos à Organização do Conhecimento e da Informação, no Brasil. As questões acima apresentadas impõem, em primeiro lugar, a contextualização da OCI nas demandas sociais e no habitus acadêmico (Bourdieu). Enfatizam-se esses aspectos porque a Ciência da Informação, e seus subdomínios, aliam especulação e práxis, tendo em vista que as investigações dentro do campo estão via de regra comprometidas com a apresentação de possíveis soluções para as demandas sociais de acesso à informação. Nesse sentido, os dispositivos de informação são abordados no campo da OCI como um dos sintomas do funcionamento das sociedades complexas. Metodologia e Estratégia de Ação: A produção científica brasileira sobre a Organização da Informação está presente em periódicos nacionais da área da Ciência da Informação, nos anais da ENANCIB, ISKO RITERM e ONTOBRÁS. O período de cobertura proposto - 2000 a 2015 fornecerá os dados necessários para identificar os aspectos mais significativos da pesquisa contemporânea sobre o tema. Na exploração dos dados serão utilizados métodos qualiquantitativos (Cientométricos), e qualitativos (Análise de conteúdo e Terminologia). Será importante considerar, também o contexto contemporâneo de produção e circulação do saber, baseado em redes eletrônicas. O corpus constituído será tratado por meio de softwares bibliométricos e de redes sociais. Resultados esperados: São esperados os seguintes resultados: a) mapeamento de pesquisadores e grupos de pesquisa em OCI, mapeamento de redes de colaboração em OCI; b) sistematização das teorias que fundamentam as pesquisas em OCI; c) formação de alunos de graduação e pós-graduação em pesquisa; d) aprimoramento teórico e metodológico dos alunos que se integrarem à pesquisa.