Bolsas de Estudo

Seleção para Bolsistas/CAPES PPGCOM  2018 - Para alunos matrículados e ingressantes


Seleção para Bolsistas/CAPES PPGCOM  2018 - Para alunos matrículados e ingressantes

Edital

 

Processo Seletivo para Bolsas de estudos CAPES Demanda Social 2017

Edital - Bolsas de Mestrado e Doutorado

Classificação Final - Novos bolsistas

Edital - Bolsas de Doutorado (Abril / 2017)

 

Programa Nacional de Pós-Doutorado/CAPES - PPGCOM 2016

Edital

Resultado


Formulários:

Solicitação de bolsas novas

Renovação de bolsa / Relatório final

 

Quem pode concorrer à bolsa?

Todos os alunos de mestrado e doutorado regularmente matriculados no Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação, com exceção dos alunos que foram selecionados pelo Programa PEC-PG.

Alguns requisitos exigidos pela CAPES (Portaria 76, de 14.04.2010):

  • dedicação integral às atividades acadêmicas de seu programa de pós-graduação;
  • quando possuir vínculo empregatício, estar liberado das atividades profissionais e sem percepção de vencimentos;
  • fixação de residência na localidade onde se realiza o curso;
  • não acumular bolsa de outro programa, ou de outra agência de fomento e de organismos nacionais e internacionais;
  • não ser funcionário ou servidor, docente, pesquisador ou técnico, da instituição onde se realiza a pós-graduação;
  • não se encontrar aposentado ou em situação equiparada;
  • contar , no momento da concessão da bolsa, com, pelo menos, 20 anos, no caso de bolsa de mestrado, ou 24 anos, no caso de bolsa de doutorado, para integralizar o tempo legalmente fixado para obtenção de sua aposentadoria por tempo de serviço.
  • realizar estágio de docência de acordo com o estabelecido no Artigo 18º da Portaria Nº 76, de 14.04.2010 da CAPES:

Duração das Bolsas

A bolsa é concedida pelo prazo de um ano, ficando sua manutenção condicionada à avaliação do desempenho acadêmico do pós-graduando.

A duração máxima da bolsa de doutorado é de 48 (quarenta e oito) meses e a de mestrado, tem a duração máxima de 24 (vinte quatro) meses, improrrogáveis.

 

Valor da bolsa:

Atualmente o valor da mensalidade é:

MESTRADO: R$ 1.500,00 (um mil e quinhentos reais)

DOUTORADO: R$ 2.200,00 (dois mil e duzentos reais)

 

Documentação necessária para PEDIDO de bolsa nova:

1) Formulário devidamente preenchido - Utilizar formulário "Solicitação de bolsas novas" acima.
2) 5 (cinco) cópias impressas do projeto de pesquisa, de acordo com as instruções das normas para apresentação de projeto (grampeado), sendo que apenas 1 (uma) das cópias, deverá constar:
• Nome do aluno
• Nome completo do orientador
• Assinatura e o "de acordo" do orientador
Obs: OS PROJETOS QUE NÃO ATENDEREM A REFERIDA NORMA, NÃO SERÃO AVALIADOS.

3) Resumo das atividades desenvolvidas na Pós-Graduação (leituras e reflexões relacionadas ao objeto de pesquisa, à coleta e à análise de fontes/dados; apresentação de trabalhos, participação em outras pesquisas, atividades de extensão etc.);
4) Ficha do Aluno – Sistema Janus;
5) Curriculum Lattes (ATUALIZADO);
6) Parecer de mérito emitido por outra agência de fomento para qual o projeto tenha sido anteriormente encaminhado e devidamente avaliado por comitê científico (FACULTATIVO).
Obs.: Os documentos solicitados nos itens “3” e “4” são somente para alunos que já realizaram sua primeira matrícula no curso.

 

PPGCOM 2015 - Normas para Apresentação de Projeto

O Projeto de Pesquisa deve ser apresentado com linguagem clara, demonstrando domínio gramatical e conceitual. Deve ser estruturado na forma de tópicos, ocupando no máximo 20 (vinte) páginas digitadas, incluindo a bibliografia, em fonte Times New Roman 12, espaçamento entre linhas de 1,5.

Capa

Deverá conter as seguintes informações:

  • Título explicativo
  • Nível do projeto (Mestrado ou Doutorado)
  • Área de Concentração
  • Linha de Pesquisa

Página 01

Título e Resumo do Projeto (Até 05 linhas, somente em português )

 

Projeto de Pesquisa

 

1. Introdução

2. Objeto

  • Assunto e problema de pesquisa
  • Justificativa do estudo quanto à relevância e originalidade

3. Quadro Teórico de Referência

  • Inserção do projeto dentro das pesquisas existentes e revisão da bibliografia fundamental

4. Objetivos

  • Gerais e específicos; teóricos e práticos.

5. Procedimentos Metodológicos

  • Explicitação dos métodos e técnicas de investigação; sua adequação ao projeto

6. Considerações Finais

7. Sumário de Pesquisa

  • Esquematização do projeto em partes, capítulos, tópicos

8. Referências Bibliográficas

  • Usar normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas)
  • Máximo de 3 páginas

9. Cronograma das Atividades de Pesquisa

O Projeto de Doutorado em relação ao de Mestrado deverá apresentar:

  • maior grau de elaboração teórico metodológica;
  • maior grau de profundidade e complexidade de objeto de pesquisa;
  • ineditismo e originalidade da temática;
  • obrigatoriedade de hipóteses na pesquisa.

 

Critérios para Seleção de Bolsas para Mestrado

1. Tema
Justificativa da relevância e originalidade

até 10 pontos

2. Adequação do projeto à linha de pesquisa
Vínculos da problemática à linha de pesquisa

até 10 pontos

3. Quadro teórico de referência
Situação dentro das pesquisas existentes, com comentários bibliográficos

até 25 pontos

4. Objetivos
Objetivos gerais e específicos; teóricos e práticos; devem ser exequíveis

até 15 pontos

5. Procedimentos metodológicos
Explicitação e pertinência dos métodos e técnicas a serem utilizados

até 20 pontos

6. Sumário da dissertação
Esquema do projeto em partes, capítulos, tópicos

até 5 pontos

7. Bibliografia
Pertinência geral e específica; apresentação formal correta (Conforme Normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT)

até 5 pontos

8. Cronograma de atividades
Viabilidade de tempo e de custos, com detalhamento sobre o processo de pesquisa

até 5 pontos

9. Redação
Avaliar texto quanto à correção, clareza, fluência, domínio do vocabulário e domínio conceitual

até 5 pontos

Somam-se os pontos obtidos em cada item, dividindo-se por 10 (dez), o que resultará na média do candidato. Conforme sua classificação e o número de bolsas enviadas à Escola, são selecionados os novos bolsistas.

 

 

Critérios para Seleção de Bolsas para Doutorado

 

1. Tema
Justificativa da relevância e originalidade

até 10 pontos

2. Adequação de projeto à linha de pesquisa
Vínculos da problemática à linha de pesquisa

até 10 pontos

3. Quadro teórico de referência
Situação dentro das pesquisas existentes, com comentários bibliográficos

até 20 pontos

4. Hipóteses 
Concepções sobre o problema a serem testadas

até 10

pontos

5. Objetivos
Objetivos gerais e específicos; teóricos e práticos; devem ser exequíveis

até 10 pontos

6. Procedimentos metodológicos
Explicitação e pertinência dos métodos e técnicas a serem utilizados

até 20 pontos

7. Sumário da tese
Esquema do projeto em partes, capítulos, tópicos

até 5 pontos

8. Bibliografia
Pertinência geral e específica; apresentação formal correta (Conforme Normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT)

até 5 pontos

9. Cronograma de atividades
Viabilidade de tempo e de custos, com detalhamento sobre o processo de pesquisa

até 5 pontos

10. Redação
Avaliar texto quanto à correção, clareza, fluência, domínio do vocabulário e domínio conceitual

até 5 pontos

Somam-se os pontos obtidos em cada item, dividindo-se por 10 (dez), o que resultará na média do candidato. Conforme sua classificação e o número de bolsas enviadas à Escola, são selecionados os novos bolsistas.

 

 

Diretamente nas Agências de Fomento

Os alunos da pós-graduação podem obter bolsas para mestrado ou doutorado diretamente nas agências de fomento.

Mais informações em:

Fapesp - Bolsas para Mestrado

Fapesp - Bolsas para Doutorado

Fapesp - Bolsas para Doutorado Direto

 

RESOLUÇÃO PPGCOM 003/2011 - Bolsa e vínculo empregatício

A Comissão de Bolsas do PPGCOM-USP em sua 1ª. Reunião de 16 de fevereiro de 2011 estabeleceu que, de acordo com a Portaria Conjunta CAPES e CNPq no. 1, de 15 de julho de 2010, os alunos bolsistas poderão ter bolsa e vínculo empregatício desde que:

  • a atividade remunerada seja afim com a pesquisa acadêmica;
  • o orientador e o programa sejam informados e autorizem o acúmulo de atividades (a anuência do orientador e do programa não exime o bolsista de cumprir os prazos regimentais);
  • o limite de horas de trabalho remunerado não ultrapasse 20 (vinte) horas semanais (apresentar declaração do empregador).