Apresentação


Foto:  Marcos Santos / USP Imagens

Pós-Graduação em Artes Cênicas da ECA-USP teve sua origem em 1981, constituindo-se de fato no mais antigo e pioneiro programa da área no país. Inicialmente, integrante do Programa de Pós-Graduação em Artes, em 2006, passa a atuar de forma independente, como Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas – PPGAC, impulsionando de modo considerável o seu desenvolvimento, ao adquirir autonomia para implementar projetos de pesquisa, ensino e produção intelectual afeitos às nossas próprias características.

A criação de um Programa autônomo de Artes Cênicas na USP é uma decorrência do fortalecimento deste campo de conhecimento em âmbito nacional, graças, em grande parte, à dedicação de professores e alunos que vêm participando ativamente nesse trabalho. As quatro linhas de pesquisa do Programa, abrigadas em duas áreas de concentração, incorporam o pensamento contemporâneo da cena, nacional e internacionalmente. Visando firmar a posição como Programa de Excelência no País, o PPGAC propõe novos desafios, articulando os campos do teatro, da dança e performance como territórios que se interconectam, envolvendo teoria e prática.

O PPGAC congrega um corpo atuante e qualificado de professores-pesquisadores, distribuídos em laboratórios, grupos de pesquisa e ensino, contribuindo para um intenso diálogo com a sociedade.  Há que ressaltar ainda a profícua relação com a graduação, aprimorando a conexão entre as duas instâncias. A porosidade das pesquisas dos docentes credenciados aos processos pedagógicos e criativos dos alunos de graduação vem adquirindo expressiva atuação, juntamente com as realizadas no âmbito da pós-graduação, resultando num efetivo impacto de nossas ações no território brasileiro. 

As duas revistas editadas no Programa – Sala Preta e Aspas – contemplam publicações de pesquisas realizadas pelo Programa, contribuindo para a veiculação, em níveis nacional e internacional, dos projetos aqui realizados.

O PPGAC é coordenado por uma Comissão de Pós-Graduação (CCP), que tem como membros titulares três orientadores plenos credenciados no Programa, e um representante discente.


Foto:  Marcos Santos / USP Imagens

São nossos objetivos:

  • Estabelecimento de um diálogo profícuo e permanente da universidade com a sociedade, com foco: a) nas frequentes alterações na vida social, que solicitam respostas artísticas e pedagógicas apropriadas aos novos enfrentamentos históricos, b) no intercâmbio solidário com as demais instituições de ensino e pesquisa do Brasil e do exterior, c) na ampla difusão do conhecimento;
  • Formação de docentes e pesquisadores de excelência;
  • Estímulo ao aprimoramento contínuo dos professores do Programa;
  • Fomento à inovação no âmbito da produção intelectual, técnica, artística e bibliográfica produzida pelo Programa;
  • Incentivo à circulação do saber produzido por Programas coirmãos, sejam instituições de pesquisa e de pós-graduação brasileiras ou estrangeiras.