Entrevista com Roseli Figaro aborda a análise do discurso

Organizado pela professora Roseli Figaro, do Departamento de Comunicações e Artes (CCA), o livro Comunicação e Análise do Discurso traz contribuições de Helena Nagamine Brandão, José Luiz Fiorin e Beth Brait, da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), da USP, de Maria Cecília Souza-e-Silva, da PUC-SP e de Maria Aparecida Baccega, do Departamento de Comunicações e Artes (CCA). O prefácio é do professor Adilson Citelli, também do CCA. O livro será lançado no dia 21 de agosto  na Livraria da Vila.  Mais informações aqui.

O livro é resultado de uma série de palestras do Ciclo de Estudos Comunicação, Análise do Discurso e Atividade Linguageira, realizado entre abril e agosto de 2010 na ECA e promovido pelo Grupo de Pesquisa Comunicação e Trabalho da ECA em parceria  com o Programa de Mestrado em Comunicação e Práticas de Consumo da ESPM.

Leia abaixo a entrevista.

LAC: Esse livro é resultado de uma série de palestras do Ciclo de Estudos Comunicação, Análise do Discurso e Atividade Linguageira. A senhora poderia explicar como foi esse Ciclo de Palestras e como ele originou o livro?
A ideia do grupo de pesquisa Comunicação e Trabalho, que eu coordeno, foi em 2010 propiciar ao Programa de Pós- Graduação e para o curso de Graduação um espaço de reflexão, de estudo sobre as diferentes temáticas ou as diferentes abordagens sobre a análise do discurso ou a análise de discurso. Então nós organizamos um ciclo com duas palestras por mês.  A cada quinzena recebemos  um especialista. No final dessas palestras, que foram no total de oito, nós produzimos um DVD  que foi  enviado a todos os inscritos. Nós avaliamos que para a área de comunicação seria muito interessante ter um material introdutório às analises do discurso, com visões de autores diferenciados; então resolvemos publicar um livro,  uma proposta mais didática, conectada entre as várias tendências e  selecionamos cinco textos.
O livro é uma depuração de um processo, então eu acho que o livro está muito bem dirigido para esse perfil do aluno de comunicação, tanto para o aluno de graduação quanto para o aluno de pós-graduação.
O professor José Luiz Fiorin, da linguística da FFLCH traz toda uma contribuição a partir de Benveniste, de Ducrot e Bakhtin para a análise enunciativa.
A Helena Nagamine Brandão, também da FFLCH e especialista nessa área de linguística e análise do discurso, que retoma as contribuições de Michel Pêcheux que é um dos fundadores, vamos dizer assim, dessa chamada análise do discurso.
Já a professora  Elizabeth Brait, que é uma especialista em Mikhail Bakhtin, traz todo um percurso da obra do Bakhtin, da sua recepção no Brasil e dos conceitos principais desse autor.
As outras contribuições são da professora titular Maria Cecília Souza-e-Silva, da PUC-SP, na área de linguística, do ateliê de linguagem, especialista em Dominique Mangenot; e da  professora Maria Aparecida Baccega,  do Departamento de Comunicações e Artes (CCA), também especialista nessa área de linguística, análise e comunicação, que trouxe para a área da comunicação as contribuições de Michel Pêcheux, fazendo a apropriação, muito conveniente para o nosso campo, da relação entre o discurso da ciência, o discurso jornalístico e o discurso da ficção, aproximando a literatura do campo da comunicação. Tudo isso mostrando a relevância da compreensão, do funcionamento dos distintos discursos para compor a formação do profissional de comunicação, como ele tem que transitar pelos discursos chamados da realidade, da objetividade e os discursos da ficção, mostrando como eles se conectam.
A apresentação é do professor Adilson Citelli, do CCA, especialista na área, sobretudo em linguagem verbal e meios de comunicação. Eu faço uma introdução, contando essa história, articulando esses autores e falando um pouco da distinção entre texto, enunciado e discurso. Acho o livro básico para formação nessa área e deve ser um material incorporado à bibliografia.

LAC: Qual é o  principal objetivo do livro?
O objetivo do livro foi trazer para o universo daquele que não foi ainda muito bem apresentado à área alguns  conceitos. O livro é para ser aplicado, tem análises, o professor aplica o que ele está propondo, porque o leitor tem acesso ao conceito e depois  tem uma aplicação.

LAC: A senhora planeja organizar outros livros?
Sim, eu estou trabalhando como organizadora na produção de mais dois livros, que espero publicar no próximo ano. Um sobre comunicação e trabalho, como resultado das pesquisas dos meus orientandos e que o grupo de pesquisa Comunicação e Trabalho tem feito. E outro especificamente sobre o mundo de trabalho dos comunicadores.