Saiba como a Iniciação Científica pode contribuir para sua carreira acadêmica

Dê os primeiros passos na pesquisa acadêmica e na produção de conhecimento

 

Voltada para estudantes de graduação, a Iniciação Científica (IC) é um estudo aprofundado sobre um tema de qualquer área do conhecimento e é o primeiro contato com a pesquisa. Dependendo da área de estudo, a IC pode visar o desenvolvimento de novas tecnologias ou a geração de novos conhecimentos.

A realização de iniciação científica deve ser feita sob orientação de um professor ou professora da universidade e auxilia no desenvolvimento de outros projetos de pesquisa ao longo da carreira acadêmica, como o Trabalho de Conclusão de Curso, pois possuem a mesma estrutura.

Comissão de Pesquisa da ECA é quem coordena as atividades do Programa de Iniciação Científica na Escola, mantido pela Pró-Reitoria de Pesquisa da Universidade de São Paulo (PRP-USP). Neste ano, ela desenvolveu o Manual de Iniciação Científica e de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação.

 

Duas jovens sorriem com o rosto próximo a caixas de som nas mãos de um rapaz

O estudante Guilherme Ribeiro, do CMU, apresenta pesquisa sobre a peça Guero, de Helmut Lachenmann, na etapa internacional do 26º SIICUSP, realizada na Alemanha em 2017. 

 

Para realizar uma IC na ECA é possível trilhar diferentes caminhos. Para concorrer a bolsas de fomento, o aluno ou aluna pode recorrer ao Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC), ao Programa Institucional de Bolsa de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI) e ao Programa de Bolsas da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP). Estudantes de Ensino Médio e Técnico de Escolas Públicas também podem realizar IC através do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica – Ensino Médio (PIBIC-EM).

Os editais PIBIC e PIBITI são lançados entre abril e maio e, em geral, as bolsas têm duração de 1 ano, com início no mês de agosto. Projetos de pesquisa realizados no âmbito do Programa Unificado de Bolsas (PUB) também podem ser equivalentes a projetos de iniciação científica ou tecnológica.

Há também a possibilidade de realizar uma IC sem bolsa. Nesse caso, as inscrições podem ser feitas a qualquer momento. 

Ao final da pesquisa, o projeto deve ser apresentado no Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP (SIICUSP), que acontece anualmente e contempla três fases: na unidade, na USP e em instituição estrangeira. A última edição aconteceu no formato on-line.

Saiba mais sobre inscrições e passo a passo da pesquisa no Manual de Iniciação Científica. Em caso de dúvidas, entre em contato com a Comissão de Pesquisa pelo e-mail cpq@usp.br.